Previsão consumo diário de água: um estudo de caso de Nobres (Brasil)

W. T. P. Silva, M. M. Campos, A. A. Santos

Resumen

Para obter eficiência operacional em sistema de abastecimento de água (SAA) a previsão de consumo de água em curto prazo (para o próximo dia) é necessária. Esse trabalho teve o objetivo de desenvolver um modelo matemático de previsão do consumo diário de água da cidade de Nobres, Estado de Mato Grosso, no Brasil. As etapas metodologicas realizadas foram: (1) revisão de literatura; (2) descrição da área de estudo; (3) coleta e análise de dados (consumo de água e clima); (4) proposição de modelo de previsão de consumo diário de água; (5) calibração e verificação do modelo; (6) aplicação de modelo. As técnicas de modelagem matemática empregadas foram regressão linear, Séries de Fourier e sistema especialista. Os resultados indicaram um erro médio percentual do modelo inferior a 10% indicando que apresentou bom ajuste e pode ser utilizado para prever o consumo de água. Como principal conclusão apresenta-se que o modelo desenvolvido que pode ser utilizado para o planejamento operacinal do SAA estudado.

Palabras clave

Demanda de água; Regressão Linear; Séries de Fourier; Sistema Especialista

Texto completo:

PDF

Referencias

Altunkaynak, A., Özger, M., Çakmakci, M. (2005). Water consumption of Istanbul City by using logic fuzzy. Water Resources Management, 19(5), 641-654. http://dx.doi.org/10.1007/s11269-005-7371-1

Artero, A. O. (2009). Inteligência artificial: teórica e prática. Editora Livraria da Física, São Paulo, BRA.

Draper, N.R., Smith, H. (1981). Applied regression analysis. John Wiley and Sons, New York, USA.

Falkenberg, A. V. (2005). Previsão de consumo urbano de água em curto prazo. Dissertação de Mestrado, Publicação Mestrado em Métodos Numéricos em Engenharia, Universidade Federal do Paraná, Curitiba, BRA.

Gandulfo, R. O. (1990). Séries de Fourier e convergência. Matemática Universitária,11, 27-52.

Giarratano, J. C., Riley, G. D. (2004). Expert system: principles and programming. PWS Publishing Company, Boston, USA.

Gujarati, D. (2000). Econometria Básica. 4. ed. Elsevier, Rio de Janeiro, BRA.

IBGE CIDADES. (2016). Infográficos: evolução populacional e pirâmide etária. IBGE. Disponivel em: http://cidades.ibge.gov.br/painel/populacao.php?lang=&codmun=510590&search=mato-grosso|nobres|infogr%E1ficos:-evolu%E7%E3o-populacional-e-pir%E2mide-et%E1ria Acceso em: 27 fev. 2016

James, J. F. (2011). A student’s guide to Fourier Transforms. 3. ed. Cambridge University Press, Cambridge, UK. http://dx.doi.org/10.1017/CBO9780511762307

Klahr, P., Waterman, D. A. (1986). Expert systems techniques, tools and applications. Addison-Wesley Pub. Co., New York, USA.

Landis, J. R., Koch, G. G. (1977). The measurement of observer agreement for categorical data. Biometrics,33(1), 159-174. http://dx.doi.org/10.2307/2529310

León, C., Martín, S., Elena, J. M., Luque, J. (2000). EXPLORE – Hybrid expert system for water networks management. Journal of Water Resources Planning and Management,126(2), 65-74. http://dx.doi.org/10.1061/(ASCE)0733-9496(2000)126:2(65)

Lertpalangsunti, N., Chan, C. W., Mason, R., Tontiwachwuthikul, P. (1999). A toolset for construction of hybrid intelligent forecasting systems: application for water demand prediction. Artificial Intelligence in Engineering, 13(1), 21-42. http://dx.doi.org/10.1016/S0954-1810(98)00008-9

Liao, S. H. (2005). Expert system methodology and applications – a decade review from 1995 to 2004. Expert Systems with Applications,28(1), 93-103. http://dx.doi.org/10.1016/j.eswa.2004.08.003

MCidades. (2008). Municipalização dos serviços de abastecimento de água e de esgotamento sanitário no Estado do Mato Grosso: Diagnóstico, lições e perspectivas. Ministério das Cidades/Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental/Programa de Modernização do Setor de Saneamento (PMSS)/Unidade de Gerenciamento do Programa (UGP). Disponivel em: http://www.pmss.gov.br/index.php/apoio-a-estados/166-municipalizacao-dos-servicos-de-abastecimento-de-agua-e-de-esgotamento-sanitario-no-estado-do-mato-grosso-diagnostico-licoes-e-perspectivas-continuacao Acceso em: 13 jul. 2015.

Mendes, D. R. (2011). Reconhecimento de Orador em Dois. Dissertação de Mestrado, Publicação Mestrado Integrado em Engenharia Electrotécnica e de Computadores, Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, Porto, PRT.

Nikolopoulos, C. (1997). Expert systems: introduction to fist and second generation and hybrid knowledge based system. Marcel Dekker, New York, USA.

Odan, F. K. (2010). Previsão de demanda para sistema de abastecimento de água. Dissertação de Mestrado, Publicação PPG-SHS, Escola de Engenharia de São Carlos, Universidade de São Paulo, São Carlos, BRA.

Rezende, S. O., Evsukoff, A. G., Garcia, A. C. B., Carvalho, A. C. P. L. F., Braga, A. P., Monard, M. C., Ebecken, N. F. F., Almeida, P. E. M., Ludermir, T. B. (2005). Sistemas inteligentes: fundamentos e aplicações. Editora Manole Ltda, Barueri, BRA.

Santos, F. J. (2014). Introdução às Séries de Fourier. PUC Minas. Disponivel em: http://www.matematica.pucminas.br/profs/web_fabiano/calculo4/sf.pdf Acceso em: 23. abr. 2015

SEPLAN. (2008). Informativo Socioeconômico de Mato Grosso 2005. Central de Texto. Disponivel em: http://www.seplan.mt.gov.br/sitios/indicador/informativo_populacional_%20e_economico_2008.pdf Acceso em: 17 jul. 2012

Silva, R. T., Rocha, W. S. (1999). Caracterização da demanda urbana de água. BRASIL, SEDU, SPU, PNCDA, Brasília, BRA.

Silva, W. T. P., Silva, L. M., Chichorro, J. F. (2008). Gestão de recursos hídricos: perspectivas do consumo per capita de água em Cuiabá. Engenharia Sanitária Ambiental,13(1), 8-14. http://dx.doi.org/10.1590/S1413-41522008000100002

Simões, M. G., Shaw, I. S. (2007). Controle e modelagem fuzzy. Blucher: FAPESP, São Paulo, BRA.

Spring, G. S. (1997). Critical Review of Expert System Validation in Transportation. Journal of the Transportation Research Board,1588, 104-109. http://dx.doi.org/10.3141/1588-13

Stein, E. M., Shakarachi, R. (2003). Fourier analysis: an introdution. Princeton University Press, New Jersey, USA.

Tian, D., Martinez, C. J., Asefa, T. (2016). Improving Short-Term Urban Water Demand Forecasts with Reforecast Analog Ensembles. Journal of Water Resources Planning and Management, 04016008 , http://dx.doi.org/10.1061/(ASCE)WR.1943-5452.0000632

Tsutiya, M. T. (2006). Abastecimento de água. Escola Politécnica de São Paulo, São Paulo, BRA.

Zaharie, D., Perian, L., Negru, V., Zamfirache, F. (2011). Evolutionary Pruning of Non-Nested Generalized Exemplars. Proceedings of the 6th IEEE International Symposium on Applied Computational Intelligence and Informatics, May 19-21, Timişoara, Romania, 57-62. http://dx.doi.org/10.1109/saci.2011.5872973

Zhou, S. L., McMahon, T. A., Walton, A., Lewis, J. (2000). Forecasting daily urban water demand: a case study of Melbourne. Journal of Hydrology,236(3-4), 153-164. http://dx.doi.org/10.1016/S0022-1694(00)00287-0

Abstract Views

1032
Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM




Licencia de Creative Commons

Esta revista se publica bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial-SinObraDerivada 4.0 Internacional.

Universitat Politècnica de València

Fundación para el Fomento de la Ingeniería del Agua

e-ISSN: 1886-4996     ISSN: 1134-2196